Aterramento Elétrico
VOLTAR

Inscrições

Abertas
18/2 à 20/02/2019
Belo Horizonte - MG

Para mais informações:

Abertas
10/6 à 12/06/2019
Belo Horizonte - MG

Para mais informações:

Carga Horária
24

Público Alvo

Engenheiros e Técnicos.

Objetivo

Apresentar os conceitos básicos relativos a aterramentos elétricos submetidos a solicitações de baixa frequência: resistividade do solo e resistência de aterramento. Introduzir as principais técnicas de medição de resistência de aterramento e resistividade do solo e apresentar a instrumentação necessária para realização de tais medições. Discutir as principais normas nacionais e internacionais (Standards) que tratam de aterramentos elétricos. Apresentar conceitos relativos à segurança em aterramentos: tensão de passo, tensão de toque e tensão transferida e efeitos da corrente elétrica no corpo humano. Avaliar as situações de risco a que seres humanos podem ser submetidos em contato com o sistema elétrico. Apresentar e discutir as etapas envolvidas no projeto de uma malha de aterramento. Introduzir os principais esquemas de aterramento de média e baixa tensão, incluindo o aterramento do neutro. Ao fim do curso, espera-se que o aluno tenha capacidade de projetar sistemas de aterramento e propor soluções para problemas que envolvam a interação do sistema elétrico com o aterramento.

Programa

Conceitos básicos
O que é o aterramento elétrico.
Partes básicas constituintes de um sistema de aterramento.
Funções desempenhadas pelo aterramento.
Resistência de aterramento.
Resistividade do solo.

Técnicas de medição em aterramentos
Medição de resistência de aterramento.
Medição de resistividade do solo.
Estratificação do solo em camadas.
Instrumentação necessária para medições em aterramentos.

Normas
Normas ABNT pertinentes: NBR 7117, NBR 15749, NBR 15751, NBR 5419, NBR 5410.
Normas IEEE pertinentes: IEEE-80, IEEE-81, IEEE-142 (Green Book – Livro Verde).

Segurança em aterramentos elétricos
Efeitos da corrente no corpo humano.
Tensão de passo, tensão de toque e tensão transferida.
Caracterização das condições de risco.
Critérios de segurança para aterramentos.

Projeto de malhas de aterramento
Itens necessários ao projeto.
Estratificação do solo.
Determinação da resistividade aparente.
Dimensionamentos dos condutores.
Verificação dos potenciais máximos
Resistência de aterramento da malha.
Passos básicos do projeto (fluxograma).

Aterramentos de SPDA
Função do aterramento de SPDA.
Recomendações da NBR 5419.
Diferenças entre o comportamento do aterramento em baixa e alta frequência.
Resistência de aterramento versus impedância de aterramento.

Aterramentos de sistemas de média e baixa tensão
Esquemas de aterramento (TT, TN, TN-C, TN-S, TN-C-S, IT) – NBR 5410.
Proteção contra sobretensões.
Equalização de potencial.
Aterramento do neutro.
Sistema solidamente aterrado.
Sistema aterrado com resistor de baixo valor (média tensão).
Sistema aterrado com resistor de alto valor (baixa tensão).